Aramis Ribeiro Costa é eleito membro benfeitor da ALB

Aramis-Ribeiro-Costa

O ex-presidente e imortal da Academia de Letras da Bahia, Aramis Ribeiro Costa, ocupante da Cadeira n­º 12, foi eleito, no último dia 06 de agosto, acadêmico benfeitor da instituição. O título é uma homenagem da casa de cultura à atuação exitosa de Aramis Ribeiro Costa à frente do Solar Góes Calmon, ocorrida na gestão 2011-2015.

“Aramis é um detentor da tradição desta Casa. Ele tem um acendrado amor a esta Academia, como entidade física e como entidade moral. Possui um enorme carinho e cuidado. Esse gesto é uma retribuição a grande parcela de contribuição feita por ele a instituição. É um titulo pelos serviços prestados”, disse Edvaldo M. Boaventura, responsável pela indicação de Aramis Ribeiro Costa.

O homenageado agradeceu a honraria feita pela ALB. “A propriedade e responsabilidade da Casa são dos acadêmicos. Somos nós os donos e proprietários desta tradição, de levar isso adiante. Trabalhamos em prol desta Academia, e sabemos da importância que esta instituição tem para o País, em todos os sentidos”, expressou Aramis Ribeiro Costa.

Sobre Aramis Ribeiro Costa

Aramis de Almada Ribeiro Costa nasceu em Salvador, Bahia, em 31 de janeiro de 1950, filho de Aldegar Ribeiro Costa e de Angélica de Almada Costa. Aos 15 anos de idade começou a publicar fábulas, crônicas e contos, semanalmente, na página infantil do jornal A TARDE, colaboração esta que se estendeu por cerca de 12 anos. Publicou o seu primeiro livro em 1974, Quarto Escuro, uma seleção de 50 poemas, pela Empresa Gráfica da Bahia. Após este, vieram A Caranguejinha de Ouro (literatura infantil), 1986, Editora Ática, São Paulo; Helena Helena (literatura infantil), 1986, Editora Ática, São Paulo; O Morro do Caracará (literatura infantil), 1986, Editora Ática, São Paulo; A Nota de Rosália (contos), 1989, Editora Marfim, Bahia;  Uma Varanda para o Jardim (romance), 1993, Editora Marfim, Bahia; Espelho Partido (poesia), 1996, pela Fundação Cultural do Estado da Bahia, Selo As Letras da Bahia, e A Assinatura Perdida, 1996, São Paulo, Editora Iluminuras. Tem publicado, em jornais e revistas, crônica, poesia, conto e ensaio. É médico pediatra formado pela Escola Baiana de Medicina e Saúde Pública, em l974; licenciado em Letras Vernáculas com Inglês pelo Instituto de Letras da Universidade Católica do Salvador, em l987; e tem, ainda, pós graduação em Administração Hospitalar, pela Universidade São Camilo, de São Paulo. Foi presidente da Sociedade Civil Hora da Criança; e diretor médico do Hospital Salvador (1977 a l983).

Confira a biografia completa de Aramis Ribeiro Costa, clicando aqui.

Fonte: Academia de Letras da Bahia

Anúncios