Roberto Santos fala na ALB sobre a sua trajetória política

O ex-governador e imortal da Academia de Letras da Bahia, Roberto Santos, ocupante da Cadeira nº 26, falou, na última quinta-feira (22.10), para os acadêmicos da ALB sobre a sua trajetória política, em uma palestra intitulada Notas autográficas. O ato ocorreu no Palacete Góes Calmon, no bairro de Nazaré.

 “Tenho procurado retribuir à Bahia e aos baianos o imenso apoio que me proporcionaram durante muitas décadas, enquanto pude contribuir com os meus esforços para a melhor qualidade de vida dos meus conterrâneos”, disse o acadêmico Roberto Santos, que completa 90 anos em 2016.

Em sua fala, ele lembrou ainda as instituições que integra. “Chego, assim, à proximidade dos 90 anos de idade, sem obrigações formais, originadas de compromissos inarredáveis. Por isso mesmo, dispondo de tempo para participar de atividades culturais programadas por entidades locais às quais estou associado”, expressou, em alusão a Academia de Ciências da Bahia, o Instituto Geográfico e Histórico da Bahia, a Academia de Letras da Bahia, Academia de Educação da Bahia, o Conselho Gestor do Neojibá, entre outros.

Sobre Roberto Santos

Roberto Santos formou-se em medicina pela Universidade Federa da Bahia (Ufba) em 1949, tornando-se mais tarde Reitor da instituição. Na vida política, foi também secretário estadual da Saúde, governador do estado, ministro da Saúde e deputado federal. É membro da Academia de Letras da Bahia, Academia Nacional de Medicina e Academia de Ciências da Bahia, entidade na qual exerce o cargo de presidente.

            Confira a biografia completa, clicando aqui.

Anúncios