Paulo Ormindo apresenta palestra sobre a força dos vulcões

O arquiteto e imortal da Academia de Letras da Bahia, Paulo Ormindo, fez uma palestra, no último dia 01, intitulada À sombra dos vulcões. Nela, o intelectual baiano apresentou impressões de viagens que ele realizou em missões para a Unesco nas Américas, no Caribe e na África lusófona, em especial por sua ida recentemente a Antígua Guatemala para estudo sobre os três vulcões que encobrem a cidade, responsáveis por sua destruição e reconstrução em três ocasiões.

“Por três vezes as erupções desses vulcões destruíram Antígua. Para mim, os vulcões são o fenômeno mais forte e mais belo da natureza. Eles são caprichosos, misteriosos, imprevisíveis, explosivos e belos”, disse Paulo Ormindo. O pesquisador da Universidade Federal da Bahia (Ufba) esteve no país caribenho a convite da Comissão Científica da Rede de Patrimônio Ibero-americano.

Anúncios